Ocidental Park e Napolis B discutem Orçamento Participativo

postado em: Noticias | 0

FELIPE CHIAVEGATTO

Asscom

 

A caravana do Orçamento Participativo da Prefeitura de Cidade Ocidental desembarcou na Escola Paulo Freire, no bairro Ocidental Park ontem, dia 16 de maio e encontrou o maior número de participantes da plenária, até agora. Estiveram presentes a comunidade local, vereadores e secretários municipais, o vice-prefeito Lulinha, além do prefeito municipal Fábio Correa, que conduziu os trabalhos.

Foram quase 40 sugestões feitas através dos formulários de participação e mais de dez inscritos falaram sobre as principais carências dos bairros Ocidental Park e Nápolis B. Os principais pedidos foram referentes à segurança e asfalto, mas também foram citadas necessidades de programas sociais para jovens e adolescentes.

Para o prefeito Fábio Correa, a comunidade local pontuou questões que já vinham sendo observadas pelo governo municipal. “Ouvir a comunidade e verificar as prioridades apontadas por ela é o objetivo do Orçamento Participativo e hoje isso ficou bem claro”, comentou o prefeito.

Antes da reunião, a direção da Escola Municipal Paulo Freire, onde foi realizado o evento, enviou formulários aos moradores através dos alunos. A iniciativa do estabelecimento de ensino aumentou significativamente a participação popular e o envolvimento da população em torno da plenária.

materia ch

ELOGIOS

Foi unanimidade entre os participantes o caráter inédito da iniciativa do Governo Municipal em realizar as reuniões do Orçamento Participativo nos bairros. Para José Antônio, morador do Ocidental Park, a disposição da prefeitura em ouvir o cidadão é louvável. Ele cita ainda a criação das ouvidorias como importantes para a integração entre morador e administração. “Eu parabenizo o prefeito Fábio Correa pela criação das ouvidorias, em especial, a da Secretaria de Saúde que traz mais dignidade para o usuário do SUS”, diz.

Após ouvir os participantes, o prefeito Fábio Correa enumerou providências imediatas para algumas das questões levantadas pelos moradores. Para melhorar a iluminação pública, por exemplo, Fábio ordenou imediatamente uma vistoria da Secretaria de Infraestrutura nos postes do Napolis B e substituição das lâmpadas queimadas.

Há, porém, outras áreas que demandam mais tempo para a solução de problemas. O asfalto, tão clamado pela comunidade local, vai chegar, mas antes um estudo minucioso do corpo de engenheiros da prefeitura está sendo feito para instalação de redes de águas pluviais e meios-fios.

Na área de segurança uma grande operação já está acontecendo. Além do aumento do efetivo da Guarda Municipal, o prefeito anunciou uma parceria com o estado para a instalação de postos de patrulhamento de divisas e monitoramento de todas as escolas do município. “O crime não precisa ser combatido só com força, mas também com inteligência”, explicou Fábio.

Desde o início de maio as reuniões tem reunido a comunidade em torno das suas principais carências. O objetivo é auxiliar o Governo Municipal a criar as diretrizes para o orçamento do próximo ano e executar as obras e projetos prioritários para cada bairro. As sugestões podem ser feitas durante as reuniões ou a qualquer momento através do site da Prefeitura de Cidade Ocidental.